Loading

Conferência financiamento do Desenvolvimento Sustentável no Brasil

Conferência     Financiamento do desenvolvimento sustentável no Brasil: 18, de dezembro de 2019 

Venue: Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (CEBRAP)

Rua Morgado de Matheus, 615, Vila Mariana, São Paulo

No dia 18 de dezembro, o Green Bonds do South Research Group realizou um workshop sobre ‘Financiamento do Desenvolvimento Sustentável no Brasil’ com o objetivo de reunir especialistas acadêmicos que trabalham em diferentes formas de financiamento verde e compartilhar a pesquisa em andamento sobre ‘Green Bonds e transformação de propriedades no Brasil’.

O workshop foi organizado pelo Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (CEBRAP) e recebeu sete apresentações de acadêmicos brasileiros e internacionais pertencentes a diferentes disciplinas e trabalhando em diferentes partes do país.

Sob o quadro geral de ‘Financiamento para o desenvolvimento sustentável’ e ‘Financiamento Verde’, as apresentações abordaram a possibilidade de um New Deal Verde para o Brasil, o papel dos fundos de desenvolvimento local como o ‘Fundo Amazônia’ e o ‘Fundo Quilombola’, e os conflitos territoriais que podem surgir em torno das florestas e as diferentes formas de entendê-las (um espaço ecológico para as pessoas e a natureza, uma fonte de recursos ou créditos de carbono, ou um lugar prístino para salvar de qualquer ser humano).

Três apresentações focaram especificamente os Green Bonds no Brasil como uma nova/não nova forma de financiamento da dívida que é incrementalmente utilizada pelos atores privados e instituições públicas do país.

O grupo de pesquisa Green Bonds do Sul compartilhou o resultado da pesquisa preliminar realizada no contexto da Academia Britânica Newton Fund Advanced Fellowship, apresentando as principais preocupações e a metodologia que será adotada no engajamento com as comunidades locais durante a segunda fase do projeto. Caio Borges do Instituto Clima e Sociedade (ICS) compartilhou suas pesquisas sobre o uso de bônus verdes pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e pelo Banco Novo Desenvolvimento e o impacto que esta ferramenta financeira pode ter nas estruturas de governança e transparência. Finalmente, Gabriela de Oliveira Junqueira (USP) e Sheila Neder Cerezetti (USP) discutiram a relevância e as oportunidades que os bônus verdes apresentam para o setor privado no Brasil e a forma como eles são construídos e regulados.

No geral, foi uma conversa enriquecedora, estimulante e frutífera sobre uma área que é central na luta contra as mudanças climáticas e que precisa de mais atenção e mais engajamento dos acadêmicos.

O objetivo é reunir as apresentações em uma publicação a ser lançada em 2020 e organizar uma reunião maior sobre Financiamento Verde e Financiamento para Adaptação e Mitigação das Mudanças Climáticas antes do final de 2020.

O evento foi organizado por Debora Ungaretti (FAU-USP), Diogo R. Coutinho (Faculdade de Direito, USP), Flavio M. Prol (CEBRAP), Gabriela de Oliveira Junqueira (Faculdade de Direito, USP), Gisele Alves (UNIFESP), Iage Z. Miola (UNIFESP), Nicole Chamma (UNIFESP) e Tomaso Ferrando (Universidade de Antuérpia).